Renacor

Artigos e Notícias

Artigos e Notícias

Confira nossos últimos artigos e notícias sobre Medicina Preventiva.


Quais são os tipos de dor de cabeça?

entenda-melhor-dores-cabeça-2-500x379Não é incomum ouvir de alguns pacientes que “já estão acostumados” a sentir dor de cabeça. Mas você sabe quais são os tipos de dor de cabeça e suas características?

É bom estar atento: dor é SEMPRE uma manifestação de que algo não vai bem com você! Então, não acostume-se com ela e sim procure saber o que a está causando.

É importante deixar bem claro que existem dois tipos de dor de cabeça principais: a tensional e a enxaqueca. As características de cada uma e suas causas são bem diferentes entre si. Além disso, a cefaleia tensional possui intensidade e duração diferentes da enxaqueca. Eu fiz uma tabelinha explicando todas as características desses dois tipos de dor de cabeça. Você pode acessá-la aqui.

Preste muita atenção também aos gatilhos que podem ocasionar em dores de cabeça. Estresse, ansiedade, má postura e tensão muscular podem causar cefaleia tensional. Já cafeína, vinho tinto, alterações no sono, adoçantes, enlatados, embutidos, comidas gordurosas e outros podem causar a enxaqueca.

Independentemente dos tipos de dor de cabeça, a cefaleia, no geral, é a maior causa de automedicação. O que é perigoso! A automedicação pode retardar o diagnóstico de um problema mais sério ou criar tolerância aos medicamentos por uso indevido.

Por isso, se você sente algum dos tipos de dor de cabeça de forma constante, procure um médico e já leve informações das características da sua dor! Isso vai te ajudar a descobrir a causa de algo que pode estar “gritando” no seu corpo… ou na sua cabeça!!

 

A tabela que eu fiz pode ajudar você a identificar qual dos tipos de dor de cabeça está sentindo. Você pode salvá-la no seu computador ou celular e tê-la sempre a mão. Assim é possível dar as informações corretas para o seu médico e saber o real motivo que está causando esse incômodo.


Características do TOC

renata post tocSerá que eu tenho TOC? Essa é uma pergunta comum que recebo em meu consultório. Primeiro, precisamos esclarecer as características do TOC. 
Apesar do Transtorno Obssessivo Compulsivo (TOC) acometer 4,5 milhões de pessoas no Brasil, é importante termos em mente que certas “manias” ligadas à regra, ordem e segurança são necessários em muitos momentos de nossa vida. O TOC é um TRANSTORNO que causa sofrimento, consome tempo (mais de 1h/dia) e pode interferir no funcionamento social ou ocupacional do individuo. A presença de obsessão e/ou compulsão por ordem e simetria, contaminação/lavagem, verificação e acumulação são os desvios mais comuns entre os que apresentam TOC.

Vamos às características do TOC?

 
Qual é a causa?
É um transtorno crônico causado pela interação de inúmeros genes, de pequeno efeito, com múltiplos fatores ambientais. Estes genes relacionam-se ao sistema glutamatérgico, no qual o glutamato, seu maior representante, é responsável pela transmissão EXCITATÓRIA entre os neurônios. É muito importante para a preservação das células neurais que os níveis extracelulares de glutamato sejam mantidos baixos, pois quando elevados interferem na memória, cognição, aprendizado e podem por toxicidade, causar dano ou morte de neurônios.
 
Com que idade o TOC começa?
É raro, mas crianças que sofreram trauma de parto, abuso sexual na infância, infecção por estreptococos, podem desencadear os primeiros sintomas ainda na infância.
Em geral, uma das características do TOC é se manifestar nos jovens adultos. Porém, o diagnóstico, costuma ser mais tardio pois a maioria dos pacientes tenta ocultar os sintomas por vergonha, medo de serem criticados, ou por criarem situações adaptativas que mascaram suas “necessidades”.
 
Por que fazer algo voluntário causa sofrimento?
De maneira geral, uma das características do TOC é o sofrimento, que está relacionado a duas situações:
1. Pensamento, obsessão e medo estão associados, isto é, se a pessoa não cumprir o ritual, “algo de ruim pode acontecer a ela”.
2. Sensação de incompletude que leva a pessoa a repetir a ação inúmeras vezes, pois caso contrário, estará “faltando algo”!
 
Quem tem compulsão por compras ou comida tem TOC?
É muito importante a distinção com transtornos de impulsividade (compras, jogo) e transtornos alimentares. São doenças diferentes, mas que podem vir associadas.
 
O TOC tem cura?
Os pacientes com TOC podem ter remissão completa dos sintomas com medicação, terapia cognitivo comportamental e orientação familiar. Entretanto, por ter um componente desencadeador ambiental é importante monitoramento ao longo da vida com profissional adequado, psicólogo ou psiquiatra especializados na área.
Se você viu as características do TOC e acha que pode ser o seu caso, procure um médico! Só ele poderá fazer o diagnóstico e tirar todas as suas dúvidas.

8 apps para saúde que podem te ajudar no dia-a-dia!

WEREABLES-BBVA-e1469621512593Vivemos em uma era cada vez mais digital, onde todas as áreas estão se adaptando e se atualizando cada vez mais rápido! Pesquisando algumas novidades, lembrei de alguns apps para saúde muito bons para o auxílio da Medicina Preventiva e decidi compartilhar com vocês.

Conheça 8 apps para saúde que te ajudam a ser saudável no dia a dia:

1 – Cardiógrafo: Preciso e com grande utilidade para a realização de exercícios ou monitoramento cardíaco, esse aplicativo confere seu RITMO cardíaco! Ele usa a câmera ou o sensor do celular para calcular o ritmo cardíaco do coração, salvando os dados e formando um histórico.

2 – Tabela de Colesterol: a dieta de baixo colesterol: Se você precisa controlar a ingestão de colesterol, esse aplicativo pode ser seu melhor amigo! Nele você pode pesquisar e checar a quantidade de colesterol presente nos mais variados tipos de alimentos, mostrando em miligramas para cada 100 gramas.

3 – Meu Índice e Carga Glicêmica: Ótimo ajudante na luta contra a obesidade e diabetes, esse aplicativo permite que você pesquise e confira os valores de índice glicêmico, carga glicêmica e teor de carboidratos nos alimentos. Essencial para equilibrar sua dieta!

4 – DocWay: Esse aplicativo funciona como um Uber da medicina, é uma plataforma que reúne médicos que são independentes e que estão dispostos a atender pacientes em busca de auxílio, onde quer que estejam! Saiba mais em: http://docway.co/

5 – RunKeeper: Se você gosta de corridas, não pode deixar de conhecer este aplicativo! O RunKeeper rastreia todas as suas atividades durante sua corrida, ele mostra o percurso realizado no mapa, as calorias perdidas, o tempo e também a distância!

6 – Stress Check: O Stress Check monitora o nível de stress do momento! Utilizando a câmera e o flash do próprio celular, ele analisa o fator de variação de batimentos cardíacos, estimando seu nível de estresse!

7 – GlicoCare: Pra quem possui diabetes, esse aplicativo oferece auxílio para o acompanhamento das medidas de glicose! Ele também mostra informações de valor calórico e quantidade de carboidratos dos alimentos, além de possuir outras funcionalidades!

8 – Nike Training Club: Um aplicativo que funciona como um personal trainer de bolso é o Nike Training Club! Ele auxilia no alcance de metas e objetivos fitness, com frases motivacionais, instruções detalhadas dos exercícios e guias de orientação! Um dos apps para saúde mais elogiados!

A tecnologia está lado a lado com os hábitos saudáveis. Aproveitem esses apps para saúde! 🙂


Colesterol alto: como pode ser prejudicial a saúde?

linguiçaO colesterol é um tipo de gordura necessária para estarmos com a saúde em dia, pois ele ajuda produzir novas células e hormônios.
O problema começa quando os níveis de colesterol no organismo são elevados e constantes (hipercolesterolemia), fazendo com que ele se torne um grande fator de risco para derrames e infarto.
Você sabia que 70% a 85% do colesterol alto tem origem em nosso próprio organismo? Portanto, o fator GENÉTICO é muito importante. Os outros 15 a 30% vem dos alimentos que mantemos em nossa dieta, e é aí onde o perigo está! Alimentos de origem animal, como carnes, ovos e leite, possuem grandes quantidades de colesterol… consumir bacon, manteiga, linguiça e frituras se tornam quase que um absurdo quando o assunto é colesterol alto!!!
Existem dois tipos de colesterol conhecidos popularmente como “colesterol bom” (HDL) e o “colesterol ruim” (LDL). O primeiro transporta o colesterol das artérias para o fígado, a fim de ser excretado. Já o segundo, é responsável por transportar o colesterol entre as células e é considerado ruim por estar muito associado às doenças cardíacas.
O colesterol alto, ou seja, quando está em excesso no sangue, ”machuca” a artéria e tende a se depositar na parede do vaso. Isto provoca uma série de reações de “defesa” da parede arterial, levando à inflamação do vaso. Isso propicia um maior acúmulo do colesterol, quase formando um ciclo vicioso.
Com o tempo vai se formando no local uma placa de gordura, que pode inflamar e se romper. Quando isto acontece, o nosso corpo manda imediatamente uma “ajuda”, tentando “tapar o buraco” através da formação de um coágulo de sangue. E é aí que acontece o problema – a artéria fica obstruída, impedindo a passagem adequada do sangue, a nutrição daquela região fica inadequada e acaba “morrendo” (necrose). Esse processo é conhecido como infarto ou derrame.
Existe uma série de medidas que você pode tomar para evitar este quadro de colesterol alto, todas elas visando uma vida mais saudável.
1) Tenha controle do colesterol a partir da sua dieta! Evite o máximo que puder as gorduras trans e gorduras saturadas, atenção ao açúcar também é essencial. Prefira alimentos naturais e ricos em fibra, que ajudam a diminuir os níveis de LDL, o “colesterol ruim”.
2) O colesterol alto pode ser hereditário. Seus genes podem definir o quanto de colesterol seu corpo produz, esteja alerta!
3) Praticar exercícios é fundamental! Atividades físicas ajudam a controlar os níveis de LDL e aumentar o HDL, o “colesterol bom”.
Faça sempre um acompanhamento médico e não deixe de realizar os exames necessários para estar ciente dos seus níveis de colesterol!

Depressão: ela é uma realidade!

Renacor - post Depressão1Hoje eu queria falar de um assunto bastante sério: depressão. Apesar de atingir milhões de pessoas no Brasil, a maioria deixa de procurar auxílio por preconceito ou por não conhecerem as várias “faces” da doença.
Irritabilidade, falta de motivação, dificuldade em tomar decisões, sono ou apetite desregulados, cansaço, falta de humor, pensamentos negativos, falta de prazer em situações agradáveis, podem ser sintomas de um quadro depressivo.
Essas condições que atingem o indivíduo acabam por prejudicá-lo em diversos aspectos de sua vida, fazendo com que seus problemas se tornem uma imensa bola de neve. Depressão é doença e pode levar com o tempo à perdas neurológicas irreversíveis, como declínio cognitivo.
Pensamentos positivos, dar prioridade ao que te faz bem, não se cobrar pelo que foge ao seu alcance preservam sua saúde mental. Se você estiver longe disso, pense sobre a possibilidade de estar sendo acometido por uma doença “invisível”, que pode ser controlada e mesmo curada. Isto pode ajudá-lo a ter mais sucesso na vida ou alertar alguém ao seu lado que nem sequer tem ânimo para procurar um médico.


Atividade física e prevenção de doenças

screen-shot-2015-01-30-at-11-03-38-amAtividade física e prevenção de doenças estão relacionados. Por isso, é fato que quem faz exercícios tem benefícios na saúde. Além disso, está comprovado é que o sedentarismo é prejudicial à saúde.

Por isso que considero a atividade física um verdadeiro INVESTIMENTO na saúde. Quanto antes começar, melhor! Mas saiba quem EM QUALQUER idade você terá vantagens, porque a atividade física:

1) Não só afasta as doenças como fortalece sua saúde pois melhoram a imunidade!

2) Melhora a função do seu coração, que afinal de contas também é um músculo, que se hipertrofia e torna-se mais forte pelo exercício.

3) A atividade física também melhora a resposta da sua pressão arterial aos esforços.

4) Aumenta o colesterol bom do seu organismo.

5) Reduz o risco de derrame cerebral! Segundo um estudo publicado no jornal Stroke, pessoas que realizam atividades físicas têm 20% a menos de chances de ter um derrame.

6) Ajudam a prevenir e controlar a diabetes e a obesidade! Em relação a 1990, o número de pessoas com diabetes aumentou em 62%! Fazer atividade física (junto a uma dieta específica para cada caso) ajudam a perder peso, aumentam a sensibilidade à insulina, controlam os níveis de açúcar e colesterol no sangue, promovem a redução de massas de gordura, além de melhorar a pressão sanguínea.

7) Evitam dores nas costas trabalhando na flexibilidade dos músculos! Uma rotina fitness, com fortalecimento muscular e flexibilidade são os pontos chave. Uma boa postura e um abdômen bem trabalhado ajudam a superar este problema.

8) Fortalecem a formação dos ossos e previnem a osteoporose! Caminhadas, subidas de escada, dança e levantamento de pesos fortalecem a formação dos ossos, prevenindo a osteoporose. Uma dieta rica em cálcio e vitamina maximizam os resultados.

9) Garantem uma “reserva” de fibras dos músculos, que inevitavelmente sofrerão um processo de atrofia com a idade.

10) Melhora o estresse, seu humor, sua autoestima!!

Está convencido?! Se ainda não, compare uma pessoa ativa com uma pessoa sedentária em qualquer idade, mas principalmente entre idosos, e responda: Quem está melhor??

Comece o próximo ano incorporando um programa de exercícios físicos na sua vida e faça com que isto se torne uma rotina.

Resultado garantido: vai viver mais e melhor!!!


Não engordar no Natal: saiba como aproveitar melhor a ceia!

81897033Se você está se esforçando para emagrecer e precisa se conter para não engordar no Natal, aqui vai uma dica infalível! 😉
Faça uma “PROGRAMAÇÃO ANTECIPADA” de como será seu comportamento para não engordar no Natal, da seguinte maneira:
1. Sente-se num local tranquilo, feche os olhos e tente imaginar uma mesa repleta de coisas deliciosas;
2. Escolha mentalmente o que vai comer. Comece com o que você sabe que PODE comer. Depois aquilo que você sabe que será IRRESISTÍVEL. Faça um prato “imaginário”;
3. Crie um mantra e repita mentalmente sempre que estiver para cair em tentação, como por exemplo: “Sou muito mais feliz magra, sou muito mais feliz magra…”;
4. No dia, faça um pequeno lanche antes de sair de casa para amenizar a fome. Aproveite sua noite! Tenho CERTEZA de que voltará para casa FELIZ e com a certeza de não engordar no Natal!!!!
A ceia mais esperada do ano é repleta de alimentos que nem sempre são saudáveis, mas que são marca dessa data.
Para tranquilizar vocês, darei uma receita de prato saudável para a ceia e que vai te ajudar a não engordar no Natal: Peito de Peru ao molho de Laranja! 😉
ceia-natal
Ingredientes:
¾ xícara (180 ml) de suco de laranja
2 colheres (sopa) de suco de limão siciliano
1/4 xícara (60 ml) de azeite
1 colher (chá) de sal rosa do Himalaia
½ colher (chá) de pimenta cayena
1 colher (chá) de curry em pó
1/2 colher (chá) de páprica
4 filés de peito de peru sem pele e sem osso
1 colher(sopa) de amido de milho diluído em 100ml de água filtradaModo de preparo:
Junte o suco de laranja, o suco de limão, o azeite, o mel, o sal, a pimenta, o curry e a páprica numa tigela. Misture bem e adicione o peru, deixando cobrir bem com os temperos. Cubra e deixe marinar na geladeira de um dia para o outro. Pré-aqueça o forno em temperatura média (180°). Unte uma assadeira e reserve. Em uma grelha ou frigideira com azeite sele os peitos de peru. Tire o peito de peru da grelha e coloque na assadeira juntamente com a marinada. Leve ao forno e asse por 15 minutos ou até ficar bem cozido no centro. Transfira a marinada para uma panela e a engrosse com o amido de milho. Regue os peitos de peru e sirva.
Dica: deixe marinar pelo menos 3 horas para que o sabor incorpore ao filé.

Agora você está pronta para se deliciar e não engordar no Natal. Aproveite e FELIZ NATAL!!!


Medicina Preventiva e acompanhamento médico: Por que é tão importante?

krebsundernaehrung_content_ernaehrungscheckA Medicina Preventiva pode ser compreendida como o conjunto de medidas e ações voltadas à prevenção e/ou controle de doenças.

Envelhecer é um processo inevitável, mas a maneira como nós envelhecemos depende de nossas escolhas ao longo da vida. É nesse contexto que a Medicina Preventiva está inserida.

Você sabe quais os fatores de risco em comum entre as doenças crônicas que mais nos atingem atualmente, tais como doenças do aparelho circulatório, diabetes, câncer e doenças respiratórias?
– Tabagismo;
– Sedentarismo;
– Alimentação não saudável;

– Consumo de álcool e outras substâncias nocivas.

Todos esses fatores de risco podem ser evitados! No Brasil, a causa mais comum das mortes são as doenças cardiovasculares. Segundo estudos do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, as doenças cardiovasculares são causas de 29,4% de todas as mortes registradas no país em um ano.

A Medicina Preventiva nos auxilia através do acompanhamento médico regular, com um profissional médico qualificado para orientar o paciente a ter uma vida longa e saudável. O aumento da produtividade do paciente, sua evolução no convívio familiar, o aperfeiçoamento de suas atividades, entre outros progressos também voltados ao seu metabolismo, tem origem nesse trabalho profissional de Medicina Preventiva.

Check-ups regulares fazem parte do que eu chamo de “Gestão de Saúde”, indispensável para qualquer pessoa, mesmo que o paciente apresente boas condições.

Agende sua consulta de Medicina Preventiva. Afinal, é melhor prevenir que remediar!


Dezembro Laranja: Mês da conscientização do Câncer de Pele!

filtro_pele_sos_solteiros1

É Dezembro Laranja, mês da campanha nacional de Combate ao Câncer de Pele! O verão está chegando e aposto que você já está planejando os passeios na praia e piscina! Mas você está informado sobre os cuidados a serem tomados no sol?

Assim como o Outubro Rosa e o Novembro Azul, movimentos criados para a conscientização do câncer de mama e do câncer de próstata, foi criado o Dezembro Laranja para a conscientização do câncer de pele.

No Brasil, são registrados 25 mil novos casos de câncer de pele por ano no INCA e a excessiva exposição solar é a principal causa deles. Os tipos mais comuns são os carcinomas basocelulares e os espinocelulares. Já o melanoma possui o maior índice de mortalidade, apesar de representar apenas 4% dos casos. 

A radiação ultravioleta, obtida na luz do sol e nas câmaras de bronzeamento, é a grande responsável pela formação dos tumores cutâneos. O câncer de pele surge com o crescimento descontrolado das células da pele, que se estabelecem em forma de camadas. A partir das camadas de pele onde o câncer se manifesta, podemos definir qual o tipo que acomete o indivíduo. No carcinoma basocelular, o câncer se desenvolve nas células basais, as mais profundas. E o carcinoma espinocelular nas células escamosas, que constituem as camadas superiores da pele. No melanoma, a origem do câncer é definida pelas células produtoras de melanina (melanócitos), responsáveis pela pigmentação.

Consulte seu médico caso note qualquer irregularidade da pele! Muita atenção a lesões de origem desconhecida que estejam rosadas, escuras ou que mudam de cor, irregulares ou não nas bordas, apresentando coceira, crostas ou sangramentos. Lembre-se que algumas manifestações se assemelham a pintas, eczemas e outras lesões!

Você pode evitar este quadro adotando simples medidas para se proteger do câncer de pele:

– Use óculos solares, chapéus e camisetas.

– Na praia ou piscina, dê preferência a barracas ou guarda-sóis de algodão ou lona, que evitam até 50% de radiação ultravioleta.

– Evite câmaras de bronzeamento.
– Evite o sol das 10h às 16h, use sempre o protetor solar em toda área do corpo exposta e reaplique-o a cada duas horas.

Todos os casos de câncer de pele devem ser diagnosticados e tratados com antecedência, não deixe de fazer sua consulta caso perceba algum sinal. Check-ups são indispensáveis quando o assunto é prevenção. Não espere o dezembro laranja para se cuidar!


Pressão alta: você costuma medir sua pressão?

hipertensao

A hipertensão é um grande fator de risco para disfunções do coração, do cérebro, dos rins e que pode ser facilmente controlado.
Se sua pressão arterial estiver, com frequência, acima de 140/90 mmHg você já é considerado HIPERTENSO. Se a Pressão Sistólica (PAS) estiver entre 121 e 139 e a Pressão Diastólica (PAD) entre 81 e 89, fique alerta! Você pode ter PRÉ-HIPERTENSÃO!
Independente do caso, o fundamental é que você mantenha seu peso ideal, faça exercícios aeróbios, consuma sal e bebidas alcoólicas com moderação e não se esqueça das frutas e vegetais na sua alimentação!


Você está com problemas de memória?

55945a8a-bd2e-423f-8e96-52d7e4f8d16a

Você está com problemas de memória? Acha que está ficando velho? Fica preocupado quando não consegue se lembrar de um nome ou informação?

Analise se você se identifica com alguma (ou todas!) destas 3 “armadilhas”:

 

  1. Transitoriedade – a memória obedece a lei de “usar para guardar”. Se a informação que você tenta se lembrar não foi “registrada” , pode ser que deixou de ser acionada, e portanto…será esquecida!

Dica: quando conhecer uma pessoa que  gostaria de gravar o nome, repita imediatamente o nome dela pelo menos umas 3 vezes durante a conversa.  Mas entenda que,  muitas vezes, não registrar determinadas informações é uma tática do cérebro para deixar espaço para o que realmente importa.

 

  1. Distração – será que na ocasião do fato, você estava mesmo atento à informação que está tentando recuperar? Ou estava pensando em outra coisa? Ou até mesmo… em nada em especial, inclusive no que está tentando se lembrar? Certamente seu cérebro não codificou a mensagem.

 Dica: Se você sempre esquece onde coloca a chave do carro, pense numa estratégia para criar um novo hábito, tipo: um porta-chaves na entrada de casa onde vai obrigatoriamente passar, induzindo-o a deixar a chave lá.  Em pouco tempo, isto se tornará uma rotina e vai lhe poupar de aborrecimentos.

 

  1. Bloqueio – Um dos problemas de memória mais comuns! O famoso “branco” ou aquilo que está bem na “ponta da língua”. Neste caso, você sabe que sabe, mas não consegue ter nem ideia do assunto! Chega bem pertinho… mas não vem. Frustrante! Os cientistas chamam isso de “irmãs feias”, fazendo uma alusão as irmãs dominantes da Cinderela. A palavra ou a informação a ser lembrada é “impedida” por algo sobreposto, ou seja, o cérebro fica ocupado por uma informação semelhante, o que o impossibilita de acessar outra.

Dica: Inspire fundo, tranquilize-se e , geralmente, em menos de um minuto, o branco passa e você acaba se lembrando.

 

Agora que você já conhece os 3 problemas de memória mais comuns que atrapalham a memorização no seu dia-a-dia, preste mais atenção e não coloque toda a culpa nos seus anos de vida. Mesmo porque, por mais privilegiado que você seja por ter nascido com uma memória boa, ela pode te largar na mão… em qualquer idade!!! A memória funciona como um disco rígido de computador. Quando está cheio, precisa ser “esvaziado” para novos dados.

Bem compreensível, certo?

 

Por

Renata Caruso Fialdini

 

Fonte:

Improving Memory– A Harvard Medical School Special Health  Report


Você sabe reconhecer uma parada cardiorrespiratória?

High resolution man drawing chart heartbeat

Mais de 326.000 pessoas tem parada cardíaca nos EUA fora do ambiente hospitalar. E 90% morrem. Isso foi atribuído à falta de informação da população em saber como ajudar ou medo de fazer coisa errada.

No Brasil , a cada minuto e meio ocorre uma morte por infarto sendo que metade falece em até 01 hora a partir dos primeiros sintomas.

Sabendo reconhecer um quadro de infarto, com ou sem parada cardiorrespiratória, aumentará em até 4x a chance desta pessoa se salvar até o socorro especializado chegar.

 

Veja o vídeo que a Sociedade Brasileira de Cardiologia desenvolveu para leigos.

Esteja preparado! Alguém pode precisar de você! Divulguem! 😉

http://educacao.cardiol.br/teca/videos.asp


Será que a minha dor pode ser de infarto?

Dor no peitoA dor do infarto pode se manifestar de formas variadas mas geralmente se apresenta com estas características:

Localização: peito , com irradiação ou não, para ombros e braços (geralmente esquerdo), e/ou para pescoço e mandibula , e/ou para as costas, e/ou para o estomago.

Tipo: queimação ou pressão ou sensação de peso ou esmagamento

Intensidade: fraca a muito forte

Duração: Mais de 15/20min e não melhora com medicação

Sintomas  que podem estar associados:

Náuseas, sudorese, vomitos, desmaio, palidez, tremores

     Nestes casos procure o mais rápido possivel auxílio médico!


Cigarro eletrônico: é bom ou não?

cigarro eletrônico

Sem dúvida o cigarro eletrônico seria uma ótima idéia pois combina  vício (nicotina) +  hábito  (ato de fumar). Entretanto ainda não estão claras questões como: quais os prejuízos causados pelas micropartículas inaladas pois contem aromatizantes, intensificadores de sabor, e derivados de glicol para formar a nevoa que imita a fumaça . E mais importante: já foi demonstrado uma discordância entre o que está no rotulo ( nicotina zero!) e a real quantidade em cada baforada que pode chegar até 20% de nicotina. Só por essas razoes fica difícil acreditar que “apenas partículas de vapor d’água são inaladas“!!! Ou seja o cigarro eletrônico parece ser um caminho traiçoeiro para quem quer parar de fumar. Atualmente existem medidas muito mais seguras, já comprovadas com estudos, e que podem lhe ajudar a ter sucesso mais rápido e consistente do que apelar para cigarros eletrônicos. Você pode estar trocando 6 por ½ dz ! Ou quem sabe …até por menos!!


Se eu tenho problema de coração posso fazer sauna?

sauna

Pode, mas deve tomar cuidado, pois sua pressão pode cair muito e isto pode prejudicar o fluxo de sangue nas suas coronárias. Se você estiver numa sauna e começar a sentir dor no peito, saia imediatamente. Aliás, se tiver doença na coronárias, procure evitar, e jamais entre numa sauna sozinho.

Sauna ou exercício?

Na Finlândia, um país onde fazer sauna até faz parte da cultura, foi feito um estudo que analisou 2.315 homens durante 20a, que faziam sauna seca, de 1 a 7 vezes/sem. A conclusão do trabalho foi que os indivíduos que faziam sauna 4 a 7x/sem reduziram o risco de infarto fatal (-48%), doençacardiovascular ( -50%) e todas as causas de mortalidade (-40%) em relação aqueles que faziam sauna apenas 1x/sem. Um dos prováveis mecanismos de proteção foi atribuido ao aumento da frequencia cardiaca , em torno de 100batimentos/min em sauna com temperatura moderada, e até 150bat/min em temperatura elevada (80 a 100º C e umidade de 10 a 20%), o que corresponde a atividade física de baixa e moderada intensidade respectivamente.
Se você for do sexo masculino (o estudo não incluiu mulheres) e estiver impossibilitado de fazer exercícios, pode ser que um banho de sauna seca regularmente, mais do que 4x/semana possa ser uma boa idéia!!


Como sei se posso ter um infarto?

Medical stethoscope and red toy heart lying on cardiogram chart closeup. Medical help, prophylaxis, disease prevention or insurance concept. Cardiology care,health, protection and prevention
Fazendo uma avaliação com um cardiologista, onde serão analisados os riscos que o individuo tem, como , familiares que já tiveram infarto e presença ou não dos chamados “FATORES de RISCO’ , como

tabagismo, sedentarismo, colesterol elevado, hipertensão arterial, diabetes, obesidade abdominal, entre outros.


O que a aterosclerose tem a ver com infarto?

Male doctor drawing heart symbol

Todos as nossas artérias estão sujeitas a desenvolver aterosclerose. Mas as artérias que “alimentam” o coração, conhecidas como coronárias, assim como, as artérias do cérebro, por serem mais finas tem maior chance de desenvolver placas ateroscleróticas que vão restringindo a luz do vaso, e propiciam a formaçãode um trombo ( coágulo) que ao obstruir uma coronária provoca morte de uma região do coração conhecida como INFARTO do Miocárdio. Se isto acontecer numa artéria do cérebro pode provocar um derrame ou Acidente Vascular Cerebral


Porque uma pessoa tem aterosclerose?

aterosesclerose

Durante anos atribui-se a Doença Aterosclerótica ao acúmulo de colesterol na parede das artéria. Hoje, nós sabemos que o principal mecanismo pelo qual a doença se desenvolve é a INFLAMAÇÃO na camada que reveste internamente as artérias, conhecida como endotélio. Esta inflamação é um dos fatores que propicia o depósito de colesterol no endotélio.


Qual a diferença entre ateroesclerose e arterioesclerose?

ateroesclerose

São palavras parecidas mas de significado diferente

Aterosclerose = ateroma + esclerose ou seja, é
a formação de ateromas na parede das artérias. Também é conhecida como Doença Aterosclerótica.

Arterioesclerose = arteria+ esclerose ou seja, é a esclerose (endurecimento) da parede das artérias. Uma das principais causas da arterioesclerose é a hipertensão arterial.